CIV: Reunião em Toledo vai discutir alterações no calendário e regulamento

Assessorias

CIV: Reunião em Toledo vai discutir alterações no calendário e regulamento

|Informações de Assessoria – Toledo (PR)| - Os técnicos dos oito municípios que participam da Copa Integração de Voleibol Feminino, competição que terá a 24ª edição em 2020, se reúnem no sábado, 8, em Toledo, para a definição das datas e etapas do calendário, confirmação de equipes e discussões sobre o regulamento de um dos principais e mais tradicionais torneios de base do voleibol Paraná.

A edição de 2019 contou com a participação das cidades de Céu Azul, Foz do Iguaçu, Formosa do Oeste, Medianeira, Santa Izabel do Oeste, Toledo e Palotina e Santa Helena que disputaram na condição de convidadas e devem ser efetivadas em 2020 para completar oito equipes divididas em dois grupos.

No regulamento, a principal mudança deve ser no número de etapas diminuindo de seis para cinco para contagem geral pontos na classificação e mais uma como Festival para testar a base que atuará em 2021. Os técnicos também pretendem discutir questões relacionadas aos custos para organização e sediação que nos últimos anos tem encarecido por conta da arbitragem e premiações.

Outro fator, que deve contribuir para um calendário mais enxuto e alinhado as competições dos Jogos Oficiais e Federação, é o ano de eleições municipais, ou seja, todas as etapas devem acontecer antes de outubro, o que também aponta para uma etapa já no mês de março.

De acordo com o presidente de honra da Copa Integração, professor João Carlos Beloto, de Toledo, o objetivo é manter uma competição forte e incentivar as categorias de base, no entanto, o dirigente reconhece que há dificuldades devido aos custos e principalmente por 2020 se tratar de ano eleitoral.

“O calendário tende a ficar mais enxuto em função das eleições e por conta disso, os municípios também reduzem seus gastos, embora cada um tenha sua prioridade. Também estamos com um projeto encaminhado ao Estado visando captar recursos e isso poderá viabilizar uma competição mais tranquila”, explica o dirigente que é um dos mais antigos da competição.

Em 2019, as seleções formadas na Copa Integração voltaram a disputar a Taça Paraná, maior competição de base de país, realizada em São José dos Pinhais. Em 2020, a ideia é participar de uma competição Internacional ou pelo menos fora do Estado como já aconteceu em outros anos.

“Estudamos participar de um torneio em algum país do Mercosul ou no mínimo uma competição fora do Estado nesta temporada para promover a integração das atletas. É claro que isso está acondicionado e questão dos recursos e aprovação do projeto para que seja viabilizado financeiramente”, diz Beloto.

Galeria de imagens

Fonte: imagens-silmar-ramos

Últimas Notícias