Vôlei adulto de Toledo estreia sábado na Série A do Paranaense

Esporte

Vôlei adulto de Toledo estreia sábado na Série A do Paranaense

Equipe fará um jogo em casa, outro fora e depois dois seguidos em casa (imagem- divulgação)

|Silmar Ramos do BrOnline – Toledo (PR)| - Atual campeão da Série B em 2018, o voleibol masculino adulto da Avotol/Toledo/Pratti Donaduzzi tem estreia marcada para o próximo sábado, 3, no Campeonato Paranaense da Série A, competição considerada uma das mais importantes organizadas pela Federação Paranaense de Voleibol (FPV) e com a presença de equipes que também disputam a Liga Nacional, caso de Maringá e Ponta Grossa.

O time comandado pelo técnico André Van de Sand vai a quadra as 19 horas, no ginásio Hugo Zeni, para enfrentar o AVP/Palmas, equipe do Sudoeste do Estado.

Com a mesma base que disputou a competição de 2018, com atletas revelados pela casa, Van de Sand sabe que vai enfrentar equipes tradicionais e com investimentos superiores, mas o objetivo é fazer bons confrontos para também preparar a equipe que vai disputar em casa a fase final dos Jogos Abertos do Paraná, no mês de outubro.

“Tem muitas equipes de ponta no Estadual e a previsão é de confrontos difíceis, mas vamos em busca de se manter na divisão de elite e também nos preparar para representar bem o município nos Jogos Abertos que será disputado em casa”, explica o treinador.

No Paranaense deste ano, cada equipe jogará 10 confrontos, sendo cinco em casa e cinco fora de casa. As quatro equipes melhores classificadas fazem as semifinais e apenas o último colocado da fase de classificação será rebaixado a Série B de 2020. Depois do confronto de sábado, os toledanos devolvem o compromisso a Palmas no dia 17 de agosto e depois farão dois confrontos seguidos em casa - No dia 24, contra São José dos Pinhais e no dia 29, contra o Maringá Vôlei.

ALIMENTOS

Quem quiser assistir Toledo e Palmas neste sábado também poderá contribuir para uma boa causa. Em todos os confrontos em casa, a Avotol em parceria com a Secretaria de Esportes e Lazer estará arrecadando alimentos que posteriormente serão repassados a entidades assistenciais do município.

O técnico André ressalta que esta colaboração de 1 kg de alimento por pessoa não é obrigatória para assistir aos Jogos e sim espontânea. “Dentro da possibilidade de cada um, quem quiser contribuir, será uma ajuda bem-vinda”, finaliza o treinador.

Galeria de imagens

Fonte: imagens-silmar-ramos

Últimas Notícias